sábado, 12 de agosto de 2017

Agosto é festa em Anceriz. Os filhos da terra encontram-se nas Eiras - o recinto, ponto de encontro dos festejos, actualmente adulterado e mutilado pela ausência do coreto - e aqui convivem.
Para recordar esses dias e dias passados nos primeiros anos de 80 do século XX, nada melhor que uma fotografia no local de então com dois filhos de Anceriz em primeiro plano e em diálogo: Alfredo Ribeiro e Artur de Almeida.
Em segundo plano, sentados, vêem-se dois outros ancerizenses: João Barbosa e António Pinto.

Sem comentários: